Notícias Institucional
09 de February de 2021

Com diversificação dos investimentos, FAPES encerra 2020 com rentabilidade positiva estimada em 5,9%

Investimentos no exterior ajudaram a proteger o patrimônio durante a crise e renderam 52,3% no ano

A estratégia de diversificação da carteira de investimentos da FAPES permitiu encerrar o ano de 2020, mesmo com toda a volatilidade do mercado financeiro, com rentabilidade positiva estimada em 5,9%. Os dados finais ainda serão auditados, assim que o resultado do equilíbrio técnico do plano for apurado. 

O índice foi bastante superior ao desempenho da bolsa de valores (o Ibovespa ficou em 2,9%) e dos títulos públicos de longo prazo (a NTN-B 2050 fechou em 2,7%). Ainda assim, foi insuficiente para alcançar a meta atuarial projetada em dezembro de 2019 para o ano seguinte, de 9,6% (correspondente a variação salarial + taxa atuarial de 5,25%). Para adequar a meta atuarial à realidade do mercado, o Conselho Deliberativo decidiu por uma nova redução para 2021, leia mais aqui

Um dos fatores que ajudou a proteger o patrimônio durante a crise foi a decisão de investir 10% da carteira em ativos no exterior, no limite do percentual permitido pela legislação. A FAPES colheu os frutos de ser um dos fundos de pensão que mais investe nesta classe de ativos. “As alocações foram feitas no início do ano e assim capturamos todo o movimento de valorização do dólar. A rentabilidade de nossa carteira no exterior foi de 52,3%”, afirma o Diretor de Investimentos, André Loureiro.

Ao longo do ano, a Fundação reforçou a liquidez para contornar impactos de curto prazo e selecionou novos gestores de fundos de ações, multimercado e de crédito privado, focados em obter rendimentos acima da média do mercado (geração de alfa, no jargão financeiro) com horizonte de longo prazo.

Como parte do processo de diversificação, foi vendido um galpão considerado obsoleto e de alto custo, substituído por um fundo imobiliário com atuação mais ampla. A FAPES também aprovou uma estratégia de proteção de risco de cauda (tail risk), que visa reduzir a volatilidade da carteira em casos de crises como a vivenciada em função da pandemia. 

Os resultados também podem ser encontrados no “Raio X dos Investimentos de Dezembro (Dados Provisórios)”, que está disponível no Portal de Serviços da Fundação, em Biblioteca > Investimentos > Raio X dos Investimentos > 2020. 

Tópicos relacionados

investimentos PBB

Você também pode se interessar por:

Notícias Institucional

05 de February de 2021

Conheça as chapas, seus programas e os currículos dos candidatos das Eleições dos Conselhos 2021

As chapas eleitas representarão os participantes e beneficiários nos próximos 4 (quatro) anos, de abril/2021 a abril/2025

Ler notícia
Notícias Institucional

04 de February de 2021

Em cenário de juros baixos, meta atuarial do PBB em 2021 será de Reajuste Salarial + 4,82%

FAPES inova com metodologia que dá suporte à decisão do Conselho Deliberativo. Redução da taxa beneficia os empréstimos e financiamentos a participantes.

Ler notícia
Notícias Institucional

11 de December de 2020

Entenda os impactos da suspensão de pagamentos da paridade das joias pelo BNDES

Valor da contribuição de joia dos participantes não será afetado, mas a suspensão poderá afetar o resultado do PBB

Ler notícia
Notícias Institucional

09 de December de 2020

PBB: empresas do Sistema BNDES suspendem pagamento de contribuição em paridade às joias

Tema já vem sendo tratado junto ao Banco, a fim de garantir os interesses dos participantes e preservar o patrimônio do plano

Ler notícia
ver todas as notícias